Todo ano começa sempre igual

Já tem um tempo que ensaio escrever algo aqui e a primeira coisa que vem a mente é: por que diabos eu só venho escrevendo 1 vez por ano e sempre no inicio do mesmo?

Não sei exatamente o motivo – talvez seja o famoso efeito mágico do reinicio de nosso calendário, mas de qualquer maneira, muita coisa aconteceu desde o último post.

Não consigo dizer que 2017 foi um grande ano: socialmente parecemos cada vez mais retrógrados, politicamente estamos desiludidos, trocando acusações pra defender falácias e pessoalmente passei por coisas boas mas também novas frustrações.

Em resumo

  1. Yay, mudei pra uma casa melhor com minha esposa e tivemos nosso primeiro ano morando juntos depois de casado
  2. Iniciei um mestrado e desisti em 2 míseros meses
  3. Por conta do anterior, acabei saindo “do mundo enterprise” após nossa primeira entrega e voltando a trabalhar com meu trabalho anterior

Novamente, gostaria de voltar a escrever, de voltar a contribuir com projetos opensource e em especial nesse ano de eleição, com projetos ligados a ativismo social, ajudando a mim mesmo e outras pessoas entenderem e participarem de forma mais direta nas decisões da cidade/estado/país – desde a escolha do representante.

Agora, veremos se em 2019 estarei aqui mais uma vez fazendo um mea culpa ou agora vai.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *